Av. Olegário Maciel, nº 311 3º andar sala 304
CEP: 30180-110 - Centro - Belo Horizonte - MG
Tel: (31) 3271-8428 

 
LELEY

Wanderley Lúcio Maia - Leley

  

O belorizontino Wanderlei Lúcio Maia, Leley, que desde 1988 reside em Ponte Nova ganhou destaque nacional na área esportiva, ao ser indicado como o ATLETA DO SÉCULO DO HANDEBOL MINEIRO, pela SEEJ – Secretaria de Estado de Esporte e Juventude.

 

Para o presidente da Federação Mineira de Handebol, Cláudio Humberto Dias, Leley fez parte da Geração de Ouro do Handebol Mineiro, atuando pela equipe do Ginástico, que por uma década possuía a hegemonia do Handebol Nacional. Desde o início de sua carreira esportiva, o Leley se destacou como atleta de ponta, sendo logo convocado para seleção brasileira, inclusive considerado o melhor atleta em uma competição mundial na Europa, onde estão os principais atletas do Handebol.

 

Em Minas Lelei jogou por um longo período pela ADJF - Associação Desportiva Juiz de Fora, sendo o responsável por tornar a equipe de Juiz de Fora a maior Campeã Estadual, sendo Uno Deca Campeã do Interior - JIMI / Jogos de Minas e Hexa Campeã Estadual.

 

Segundo Cláudio, a vinda do Leley para Juiz de Fora, proporcionou a evolução do Handebol do interior mineiro, sendo a ADJF a primeira equipe de interior a se tornar Campeã Estadual. Neste período que o Leley esteve em Juiz de Fora, a ADJF colecionou diversos títulos importantes, sendo Campeã Carioca, Bi Campeã da Taça Brasil de Areira, Campeã dos Jogos Regionais de São Paulo, Terceiro Lugar no Alcochette Handball Cup em Portugal e 4 Lugar no Torneio de Virgem Grande Espanha.

 

“Leley, além de ser um exemplo para todos os atletas mineiros, foi responsável pela formação de várias gerações de atletas de alto nível, como o Miguel Pires Barbosa, que é de Ponte Nova e se tornou o artilheiro da Liga Nacional, principal evento do Brasil, além de atuar pelas principais equipes nacionais”, disse.

 

“Infelizmente não temos registro das inúmeras vezes que o Leley foi aplaudido de pé em diversas competições pelo Brasil. Por onde passou possui fãs e seguidores e me orgulho de ter jogado ao seu lado por mais de 10 anos”, completou Cláudio.

 

Conheça um pouco da historia de Leley

 

Wanderley Lúcio Maia, o Leley, nasceu em Belo Horizonte (MG) e iniciou a carreira de jogador de Handebol, no ano de 1972, aos 17 anos de idade, no Esporte Clube Ginástico, com o professor Lincoln Raso (um dos maiores mestres de Handebol do Brasil). Nesse mesmo ano, integrou a Seleção Mineira de Handebol, que disputou os jogos escolares brasileiros (JEB’S), em Maceió – Alagoas, ficando em terceiro lugar e sendo o artilheiro da competição (55 gols). Ainda jogando pelo Esporte Clube Ginástico, de Belo Horizonte, foi Campeão Mineiro por dez anos e o primeiro Campeão Brasileiro, no Ceará.

 

Devido ao ótimo desempenho nos jogos escolares, foi convocado, nesse mesmo ano, para a Seleção Brasileira de Handebol, onde jogou por nove anos consecutivos. Disputou a Copa Latina, na Romênia, na Itália, Argentina e França. Foi diversas vezes artilheiro e chegou a ser premiado como o JOGADOR MAIS REGULAR E EDUCADO DA COMPETIÇÃO (na Copa Latina de Handebol na França), além de ser indicado como UM DOS CINCO MELHORES ATLETAS DE HANDEBOL DO MUNDO.

 

No ano de 1988, mudou-se para cidade de Ponte Nova, com sua família, onde vive até hoje. Trabalhou como colaborador do Esporte Clube Palmeirense, exercendo a função de treinador e jogador, nas categorias de base e adulto. Foi Vice-Campeão Mineiro em 1989, em Montes Claros.

 

Em 1990, foi chamado para jogar pela cidade mineira de Juiz de Fora, onde permaneceu como jogador da ADJF – Associação Desportiva Juiz de Fora, por oito anos. Durante sua estada tornou-se Tricampeão Mineiro, Hexacampeão dos Jogos do Interior de Minas (JIMI), Vice-Campeão dos Jogos Regionais de São Paulo, 3º Lugar Torneio Internacional, realizado na cidade de Alcochete, em Portugal e 4º Lugar no Torneio de Virgem Grande em Torrelaviega, Espanha.

 

Atualmente Leley, trabalha no SESI como técnico de Lazer e coordenador do projeto Minas Olímpica e Atleta do Futuro, nas modalidades Handebol, Futsal e Basquete. É o atual técnico das equipes de Handebol do SESI ESPORTE de Ponte Nova. Foi Vice-Campeão da Copa Minas de Handebol e participou da Liga Petrobrás de Handebol, como técnico do América de Belo Horizonte (2005), competição de âmbito nacional.

 

Formou-se Faculdade de Educação Física, da UNIPAC, em Ponte Nova.

 

Procurando melhor capacitação no Handebol, fez diversos cursos de aperfeiçoamento:

XVIII Seminário Internacional “Esporte de Quadra”, em Curitiba (PR), coordenado pelo atual técnico da Seleção Brasileira de Handebol feminino, Juan Oliver Coronado, ex-técnico da Seleção Espanhola feminina.

 

Curso de iniciação esportiva e alto nível em handebol, também, em Curitiba (PR).

Curso de MiniHand, promovido pela Confederação Brasileira de Handebol e Federação Mineira, na cidade de Betim (MG).

 

Curso de Educação Física para Educação Infantil e Ensino Fundamental, promovido pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Ponte Nova (MG), já na qualidade de professor.

 

Como forma de reconhecimento, foi homenageado como “Atleta do Século”, na modalidade de Handebol, dentro das comemorações dos melhores do esporte, nos 100 anos de Belo Horizonte. Foi agraciado na Câmara Municipal de Ponte Nova, com “Mérito Legislativo”, através do qual obteve reconhecimento público pelos serviços prestados ao desenvolvimento e a grandeza do município.

Comentários
 
Destaque
 
Nossos Ídolos
Histórias do Handebol Mineiro. Saiba mais.
 
 
 
Home Federação Filiados Arbitragem Competições Ídolos / História TJD Fale com a Federação